segunda-feira, 3 de setembro de 2012

E mais: não siga as regras.


Vou escrever por escrever e ver no que dá. Desde o começo das aulas eu sinto vontade de voltar aqui para registrar alguma coisa. Acho que a faculdade me inspira. A faculdade não, alguns professores.

O diferente sempre me atraiu muito. Histórias de relações super complicadas e nada convencionais, livros que no final dão certo, que é o errado; ou dão errado, mas é o certo. É muito engraçado ler essas coisas. Na maioria das vezes eu torço, um pouco apreensiva, por essa vida paralela. Um mundinho todo descolado do mundo real.

E por falar em mundinho, como seria bom sair de vez da caixinha. Um pé no chão, talvez, mas um só e nada mais. Se eu conseguisse, teria que aprender um monte de coisas de novo. Ou melhor, aprender de novo as mesmas coisas de uma forma diferente. Seria difícil conciliar essa nova vida com a antiga. E aí?

É isso. Escrevi.